Home office prático e moderno

Olá gente! Vou contar uma coisa, aqui você também pode participar! E  ainda receber um projeto de decoração sem gastar nada. Sim! Nadinha!  Assista ao vídeo e saiba como :

Eu estava lendo o blog do Rodrigo Maia,  “Português de Brasileiro” para entender um pouco sobre o uso de palavras estrangeiras na decoração de interiores. Será que assim tudo parece ficar mais chic? Ou chique? Xiiiiii…

Neologismos e estrangeirismos à parte, o home office, ou escritório em casa, é um cantinho que todos precisam para fazer dever de casa, trabalhos escolares ou ganhar o pão de cada dia, como a blogueira que vos fala, rs.

Vejam o escritório que projetei para um leitor do blog que solicitou via e-mail: meu próprio marido:

Foto 3

Este fiz pensando em minhas necessidades: trabalhar em casa enquanto ajudo o filho com o dever. Tem mais aí alguém que precisa disso? Acho que sim, rs.

Foto-91.jpg

Uma mesa mais larga, abriga duas pessoas e a iluminação tem que ser direta. Para a parede, escolhi papel de parede com motivos de jornal, para servir de contraste com os módulos amarelos. O restante da mobília possui tons neutros, como branco, cinza e marrom. Todos juntos. Quer saber se combina? Confira o post na íntegra:

http://todomundopodedecorar.com.br/eu-tambem-quero-um-escritorio/

Quanto às palavras estrangeiras que utilizamos, enviei minha dúvida sobre a forma como devemos escrevê-las para o blog e em breve teremos a resposta nesse endereço:

(http://noticias.r7.com/blogs/portugues-de-brasileiro) 

Ariane Medeiros

Ariane Medeiros

Fui professora por muitos anos, em diferentes estados, e com isso aprendi que o Brasil gosta de representar sua cultura de várias formas. Estudei um pouco de Direito, História e finalmente Design de Interiores, curso que estava em meus sonhos infantis e que me impulsionou a criar este blog para dividir muitas ideias com todos vocês.

Curtam e compartilhem:
TwitterFacebookYouTube

Uma ideia sobre “Home office prático e moderno

  1. Pingback: Home offices - Peguei do

Comentários encerrados.